Nesse post eu resolvi fazer algo diferente, não vou falar de  nenhuma startup brasileira e sim de uma startup bem conhecidado Vale do Silício, a Airbnb. Resolvi falar dela devido ao fato da sua estratégia e do seu modelo de negócios terem pontos interessantes.

A startup foi fundada em 2008 por Nathan BlecharczykBrian Chesky e Joe Gebbia com o objetivo de criarem uma forma mais fácil de se alugar casas, quarto e outros lugares por curtos períodos.

O negócio deu tão certo e cresceu tanto que eles já levantarem 120 milhões de reais de investidores. Mas o que eles fazem afinal? Eles são um plataforma para pessoas que querem alugar seus lugares extras que possuem e para viajantes que buscam uma opção diferente dos hotéis e albergues e a um baixo preço.

Ou seja, eles usam o modelo de marketplace onde possuem dois segmentos de clientes em que um tem quer alugar algo que o outro quer e o Airbnb tem apenas a função de facilitar essa negociação. Nesse caso, esse modelo também é conhecido como P2P (peer-to-peer) pois os clientes são ambos pessoas e não empresas, em referência aos sistemas P2P de compartilhamento de arquivos pela internet.

 Eles tiveram duas boas sacadas, a primeirea é que, ao contrário da maioria dos modelos de marketplace, o Airbnb consegue cobrar nas duas pontas. Cobram uma taxa de reserva dos viajantes (6-12%) e uma taxa dos anfitriões pelas reservas que bem sucedidas (3%);

A outra que achei sensacional é que eles contratam fotógrafos profissionais para tirar as fotos das casas para os anúncios, dessa forma as fotos ficam lindas e fazem com que as pessoas tenham muito mais interesse em fazer as reservas. Esse é um grande diferencial competitivo, pois na grande maioria dos sites parecidos com o Airbnb são os próprios usuários que tiram as fotos e dessa forma as fotos não ficam tão boas quanto a deles.

.

.

  • Garantir a segurança de quem aluga o seu local. Eles tiveram um caso de roubo que teve uma grande repercussão e que, depois desse caso, eles tiveram que começar a oferecer um seguro de até 50 mil dólares;
  • Expandir a base de fotógrafos para outras regiões e países em que eles passaram a atua;
  • Realizar as transações internacionais ao menor custo possível;
  • Se adequar as legislações locais dos países em que atua;

#FicaaDica: Como a sua startup pode se diferenciar da concorrência e ao mesmo tempo gerar valor? A ideia de usar fotógrafos profissionais para tirar as fotos dos lugares criou um grande diferencial para o Airbnb e que aumento a credibilidade e a qualidade do serviço deles.

Anúncios

4 comentários sobre “Modelo de Negócios – Airbnb

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s